Topo
Blog do Gesner Oliveira

Blog do Gesner Oliveira

Categorias

Histórico

Greve dos caminhoneiros foi ducha de água fria na recuperação

Gesner Oliveira

16/07/2018 17h41

Enquanto o Congresso fez a farra isentando os transportadores pelo bloqueio criminoso das estradas, os números ilustram de forma clara o dano que a greve dos caminhoneiros causou ao país.

O Banco Central divulgou hoje o índice de atividade econômica (IBC-Br), considerado uma "prévia" do resultado do Produto Interno Bruto (PIB). O indicador apresentou queda de 3,34% em maio relativamente a abril, maior redução registrada desde o início da série, há quinze anos.

O baque superou até mesmo o tombo de dezembro de 2008, auge da crise financeira internacional, quando o índice recuou 3,2%.

Antes da trombada, restava o consolo de que embora não houvesse um boom da economia, a recuperação econômica estava consistente até abril.

O choque dos caminhões afetou todos os segmentos da economia, mas os efeitos mais negativos foram sobre a confiança do consumidor e dos investidores.

O Boletim Focus divulgado pelo Banco Central nesta segunda-feira, o consenso de mercado para o crescimento de 2018 recuou mais uma vez, de 1,53% para 1,5%, um número desanimador para uma economia que encolheu 3,5% em 2015, 3,5% em 2016 e cresceu apenas 1% em 2017.

Apesar de tudo, a economia deverá crescer um pouco em 2018, algo próximo a 1,5%. Isso porque muitos segmentos podem ocupar a enorme capacidade ociosa existente para atender uma demanda que expande de acordo com o aumento vegetativo. É muito pouco para um país que precisa crescer e gerar empregos para mais de um milhão de pessoas que ingressam anualmente no mercado de trabalho.

Sobre o autor

Gesner Oliveira é ex-presidente da Sabesp (2006-10), ex-presidente do Cade (1996-2000) e ex-secretário de Acompanhamento Econômico no Ministério da Fazenda (1995) e ex-subsecretário de Política Econômica (1993-95). É doutor em Economia pela Universidade da Califórnia (Berkeley), sócio da GO Associados, professor de economia da FGV-SP e coordenador do grupo de Economia da Infraestrutura & Soluções Ambientais da FGV. Foi eleito o economista do ano de 2016 pela Ordem dos Economistas do Brasil (OEB).

Sobre o blog

Você entende o que está acontecendo agora na economia? E o impacto que a macroeconomia tem sobre sua vida? Quando o emprego voltará a crescer? Como a economia impacta sobre o meio ambiente? Vale a pena abrir uma franquia? Investir em ações da Petrobras? Este blog se propõe a responder a questões desse tipo de maneira didática, sem economês.