Topo
Blog do Gesner Oliveira

Blog do Gesner Oliveira

Categorias

Histórico

Retomada da economia será mais lenta depois da greve dos caminhoneiros

Gesner Oliveira

16/07/2018 07h49

Quem se lembra das Olimpíadas de Atenas em 2004?  Vanderlei Cordeiro de Lima liderava a maratona quando foi atacado por um padre irlandês. Teve de se refazer do susto, mas manteve-se na disputa e acabou em terceiro lugar.

Ensina a lei da física que retomar o movimento depois de um choque é mais difícil do que manter o ritmo constante. Com a economia aconteceu exatamente isso. O padre foi a greve dos caminhoneiros.

A recuperação econômica, que ia bem até a trombada, estava crescendo em bom ritmo e a paralisação interrompeu essa corrida. A expectativa do mercado era de crescimento de até 3% em 2018, mas o resultado do início do ano já foi aquém do esperado.

O setor de serviços, que representa 70% da composição do PIB, registrou a maior queda em sete anos, recuando 3,8% em maio na comparação com abril, segundo o IBGE.

Como era esperado, o segmento com maior destaque negativo foi o de transportes terrestres que apresentou recordes de queda de 15%, e armazenagem e serviços auxiliares com recuo 6,2%.

A atividade, diretamente afetada pela greve dos caminhoneiros, abalou a confiança de empresários e consumidores. Para piorar, as incertezas eleitorais paralisaram decisões de investimento. Parte das perdas desse período é irrecuperável, e o impacto sobre a confiança pode limitar ainda mais a recuperação da atividade.

Com a incerteza eleitoral, empresários e consumidores tendem a adiar as decisões de investimentos e de compras a longo prazo. Não houve uma evolução de candidatos mais comprometidos com reformas e isso leva a mais incerteza. O candidato que lidera as pesquisas achou mais importante fazer uma viagem ao Pará do que participar da votação das diretrizes para o orçamento do primeiro ano do próximo governo.

Como nas Olimpíadas de Athenas, o Brasil segue na luta pela recuperação. Alguns indicadores apontam para a retomada a partir da segunda quinzena de junho.  Se não houver outros choques, há uma chance de medalha de bronze.

Sobre o autor

Gesner Oliveira é ex-presidente da Sabesp (2006-10), ex-presidente do Cade (1996-2000) e ex-secretário de Acompanhamento Econômico no Ministério da Fazenda (1995) e ex-subsecretário de Política Econômica (1993-95). É doutor em Economia pela Universidade da Califórnia (Berkeley), sócio da GO Associados, professor de economia da FGV-SP e coordenador do grupo de Economia da Infraestrutura & Soluções Ambientais da FGV. Foi eleito o economista do ano de 2016 pela Ordem dos Economistas do Brasil (OEB).

Sobre o blog

Você entende o que está acontecendo agora na economia? E o impacto que a macroeconomia tem sobre sua vida? Quando o emprego voltará a crescer? Como a economia impacta sobre o meio ambiente? Vale a pena abrir uma franquia? Investir em ações da Petrobras? Este blog se propõe a responder a questões desse tipo de maneira didática, sem economês.