Topo
Blog do Gesner Oliveira

Blog do Gesner Oliveira

Categorias

Histórico

Vá á luta! Não espere a economia para arrumar um emprego

Gesner Oliveira

2001-03-20T19:18:21

01/03/2019 18h21

A situação do mercado de trabalho não está fácil e não vai melhorar rapidamente. Não espere grande coisa da economia para tentar se reposicionar em um mercado de trabalho cada vez mais competitivo.

A economia anda devagar. Cresceu 1,1% em 2018, no mesmo ritmo de 2017. Seu desempenho em 2018 foi decepcionante diante das expectativas no início do ano passado.

Para 2019, espera-se um crescimento maior, algo que pode chegar a 3%. Mas mesmo uma expansão dessa ordem não alivia a situação do mercado de trabalho. Segundo o IBGE, há 27 milhões de pessoas subocupadas.

De acordo com o Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), em janeiro, houve uma geração líquida de cerca de 34 mil empregos formais. É pouco comparativamente à expectativa de 82 mil e ao resultado de janeiro de 2017, de quase 78 mil. Pesou a perda líquida de cerca de 66 mil vagas no comércio contra os ganhos de 34 mil na indústria e 43 mil nos serviços.

Não conte com um número crescente de vagas para aquilo que você faz hoje, aqui e agora, do jeito que sempre esteve acostumado a fazer. Não espere os ventos da macroeconomia trazerem uma solução.

Em vez disso, vá à luta para arrumar um bom emprego. Não desperdice oportunidades ou ofertas de novas formas de trabalho. Saia da zona de conforto e invista em sua empregabilidade.

Isso significa formar seu capital humano por meio de cursos, treinamento e orientação profissional de pessoal especializado, chamado de "coaching". Saia da zona de conforto e mantenha a mente aberta à inovação e adaptação às mudanças do mercado. E boa sorte para estar do lado certo das estatísticas do Caged!

Sobre o autor

Gesner Oliveira é ex-presidente da Sabesp (2006-10), ex-presidente do Cade (1996-2000) e ex-secretário de Acompanhamento Econômico no Ministério da Fazenda (1995) e ex-subsecretário de Política Econômica (1993-95). É doutor em Economia pela Universidade da Califórnia (Berkeley), sócio da GO Associados, professor de economia da FGV-SP e coordenador do grupo de Economia da Infraestrutura & Soluções Ambientais da FGV. Foi eleito o economista do ano de 2016 pela Ordem dos Economistas do Brasil (OEB).

Sobre o blog

Você entende o que está acontecendo agora na economia? E o impacto que a macroeconomia tem sobre sua vida? Quando o emprego voltará a crescer? Como a economia impacta sobre o meio ambiente? Vale a pena abrir uma franquia? Investir em ações da Petrobras? Este blog se propõe a responder a questões desse tipo de maneira didática, sem economês.